Pular para Conteúdo Principal
Lions Clubs International Foundation Lions Clubs International Foundation
Pular para rodapé

Abrindo os Olhos

Abrindo os Olhos

section

Pesquisas mostram que, entre os atletas das Olimpíadas Especiais, 68% não fizeram um exame oftalmológico nos últimos 3 anos, 37% precisam de óculos e 18% usam óculos clinicamente incorretos. As pessoas com deficiências fazem parte de um grupo extremamente negligenciado no que diz respeito a cuidados com a visão. Elas merecem e têm direito a um atendimento de qualidade, que seja apropriado às suas necessidades específicas.

Foi por isso que a LCIF e as Olimpíadas Especiais iniciaram uma parceria em 2001 para fornecerem exames oftalmológicos em determinados eventos esportivos das Olimpíadas Especiais ao redor do mundo. Os atletas também fazem exames para identificar problemas relacionados à visão e a necessidade de óculos corretivos ou de proteção, além de serem orientados sobre a melhor forma de cuidar dos olhos.

O programa Abrindo os Olhos, resultado da parceria bem-sucedida entre as Olimpíadas Especiais e o Lions Clubs International, conta com milhares de Leões, médicos, especialistas em visão e educadores voluntários. Mais de 350.000 atletas foram examinados e óculos de grau foram fornecidos para quase 110.000 atletas. Mais de 20.000 profissionais de oftalmologia voluntários participaram do programa. E mais de 20.000 Leões voluntários de várias partes do mundo dedicaram seu tempo e conhecimento a essa verdadeira iniciativa em equipe, que já acontece em mais de 70 países.
 
O programa Abrindo os Olhos é patrocinado por um subsídio Quatro Pontos Básicos da LCIF. Desde o início do programa, a Fundação já doou mais de US$ 13,3 milhões em subsídios.

Na 96ª Convenção Internacional do Lions Clubs International em Hamburgo, na Alemanha, a LCIF anunciou uma expansão da parceria e de oportunidades para Leões. Mais informações sobre isso aqui.

Para obter mais informações sobre o programa Abrindo os Olhos, visite o site das Olimpíadas Especiais.

section

Pular para o Topo